Arterite de Tokayasu

há 1 ano     -     
Arterite de Tokayasu
M.S.A., 38 anos, sexo feminino, caucasiana, casada, costureira, procedente de Maceió. Portadora de dislipidemia e HAS, passado de tabagismo interrompido há dois anos. Procurou o Pronto-Socorro com quadro clínico sugestivo de infarto agudo do miocárdio. Como foi admitida após 24 horas do início do quadro de dor, foi optado por tratamento conservador. Após o infarto, a paciente evoluiu com claudicação de membros inferiores.  Detectou-se também a ausência dos pulsos pediosos, tibiais posteriores e poplíteos bilateralmente, além da ausência do pulso femoral à direita e redução da amplitude do pulso femoral à esquerda. Como a paciente persistia com níveis elevados de pressão arterial mesmo na vigência de fármacos anti-hipertensivos de quatro classes diferentes, foi iniciada investigação para causa secundária de hipertensão arterial.
 
 
Exames: 
Refrograma radioisotópico com DTPA foi realizado, revelando comprometimento do fluxo no rim direito. Já a arteriografia digital de artéria renal, evidenciou-se estenose segmentar de 80% no terço proximal da artéria renal direita, o que motivou indicação e realização de angioplastia com balão do vaso comprometido. Nesta mesma ocasião, foi constatada a presença de sopro sistólico em região cervical esquerda, sendo então solicitado Doppler de carótidas e vertebraisque revelou espessamento importante da parede das artérias carótidas comuns (obstrução de 50% das artérias carótidas externas, obstrução de 15% na carótida interna direita e 50% na carótida interna esquerda).
 
Gostou do caso? Discuta no fórum de comentários abaixo!
2 Publicações - 0 Seguidores

  • 2 Publicações