1 Publicações -

As Forças Motrizes do Empreendedorismo Médico no Mundo

há 2 anos     -     
As Forças Motrizes do Empreendedorismo Médico no Mundo

Empreendedorismo nas áreas relacionadas à ciência da vida é a busca de oportunidade com recursos escassos e descontrolados, com o objetivo de criar valor para o cliente/usuário através do desenvolvimento da inovação clínica e biomédica. Cumpre ressaltar que inovação aparece de diversas maneiras, não só nos formatos convencionais. Há oportunidades sensacionais de negócio para inovadores comercializarem seus produtos e serviços nessa área. 

No entanto, o roteiro da inovação pelas ciências da vida é arriscado, caro e demorado. Para ser um sucesso, bioempreendedores - profissionais de saúde, cientistas, engenheiros, investidores, ou provedores de serviço - tem que trabalhar em parceria com as suas organizações para superar os vários obstáculos entre as ideias deles, o mercado e os pacientes. O processo não é linear e nem previsível, e os resultados são jamais garantidos. Além disso, por causa das condições macroeconômicas globais, investidores estão relutantes a arriscar seus recursos nas tecnologias não comprovadas, vide que estão num ambiente regulatório e legal mais hostil. Consequentemente, a comercialização das descobertas em biociência fica mais e mais difícil. Entretanto, inovadores ainda prosperam.

Onde estão algumas dessas fantásticas oportunidades vistas pelos bioempreendedores?

Uma compreensão inicial das mudanças que estão acontecendo no setor de saúde nos EUA é a primeira etapa na identificação das oportunidades do mercado. Aqui estão algumas:

  1. Reformas importantes e contínua da política no setor da saúde.

  2. Migração de taxa para pagamento de serviços.

  3. Consumerização, comoditização, internacionalização, customização e digitalização do cuidado.

  4. Mudança de um sistema de cuidado dos doentes para um sistema preventivo e do bem-estar.

  5. Benefício definido para a contribuição definida na cobertura de seguro saúde.

  6. Direito de dimensionamento da força de trabalho de saúde.

  7. Medicina do faça-você-mesmo.

  8. Modelos de prestação de cuidados móveis e digital (físico e digital).

  9. O crescimento dos médicos empregados.

  10. Sistemas de gestão da inovação e o crescimento da atenção ao empreendedorismo na saúde.

  11. O aumento de demanda pela atenção intensiva.

  12. O aumento da descontinuidade dos cuidados alterando rapidamente.

Todas estas mudanças apresentam aos empreendedores da saúde e biomédicos oportunidade para criarem novos produtos, serviços, modelos e plataformas. Os pacientes estão tomando mais controle de financiamento e estão contribuindo para pesquisas básica e clínica usando a internet, e a mídia social continua a desempenhar um papel maior no marketing e entrega do setor da saúde.

As forças motrizes de empreendedorismo internacional dos médicos incluem:

  1. Medo: Médicos têm medo de sofrer consequências profissionais, pessoais e econômicas se eles não se adaptarem às mudanças.

  2. Ganância: Os rendimentos dos médicos estão ameaçados pela inovação e novos modelos de negócio.

  3. Necessidade: A maioria dos médicos nos países industrializados têm um alto nível de padrão de vida. Eles não se importam com inovação ou empreendedorismo porque não precisam.

  4. O imperativo da inovação: O ritmo da mudança acelerou e mercados e empregadores demandam mais com menos.

  5. Exigências geracionais: Médicos estudantes e residentes estão questionando suas decisões de carreira e exigem que as universidades ofereçam inovação, educação de empreendedorismo e treinamento do conhecimento, habilidades e atitudes necessárias para prosperar depois da formatura e ao longo de suas carreiras.

  6. As mudanças da relação entre médicos e pacientes: Tecnologia ea medicina de faça-você-mesmo estão mudando a relação entre médicos e pacientes.

  7. Recursos: A internet, ecossistemas locais, aceleradores e acesso ao seeding capital tornou mais fácil o processo de começar um negócio ou desenrolar uma ideia. Pessoas estão se conectando à economia global.

  8. Carreiras de portfólio: O mercado de interpretação no cuidado de doenças está crescendo e o futuro do trabalho está mudando. Poucas pessoas estão se comprometendo com apenas um trabalho por toda a sua vida, incluindo medicina clínica.

  9. Oportunidades: As oportunidades vem com mudanças, e os poucos médicos com a mentalidade empresarial os perseguem. As oportunidades no empreendedorismo de saúde são grandes e empreendedores estão bem posicionados a capitalizar isso.

  10. Cultura: A cultura da medicina está mudando e encoraja criatividade e inovação.


O futuro da inovação médica é brilhante e empreendedores médicos ao redor do mundo estão ansiosos para participar.

 

Sobre o autor:

Arlen Mayers é referência mundial na temática Empreendorismo na Medicina. É o fundador e Presidente da SOPE, sociedade de Médicos Empreendedores, nos EUA, maior autoridade sobre o tema no mundo.

1 Publicações - 3 Seguidores

  • 1 Publicações