3343 Publicações -

#EuConcursado: Você sabe como escolher o Concurso Público ideal?

há 6 meses     -     
#EuConcursado: Você sabe como escolher o Concurso Público ideal?


Ao decidir prestar um concurso público, o profissional decide algo que pode ser muito duradouro no seu cotidiano. A vida profissional e o trabalho que realizamos estão inseridos em nosso dia a dia com a mesma força temporal que a vida pessoal.

Por isso, quem decide prestar concurso precisa ter em mente que precisa avaliar não só se deseja estar no papel do profissional que ocupará a vaga a que se candidata, mas também se a oportunidade tem a ver com o perfil dele.

Será necessária alguma mudança radical após aprovação? Este concurso é o meu objetivo final ou é apenas um “trampolim” para ganhar experiencia e tempo de estudo até sair o ‘Concurso dos Sonhos’?

São muitas dúvidas e, por isso, listamos as principais dicas para você saber escolher o melhor Concurso Público para você no momento.

1-Conheça você mesmo

Antes de escolher qual será o seu trabalho do futuro, você precisa saber do que gosta e o que de fato deseja para a sua vida – em um panorâma geral.

“O que você se vê fazendo, com prazer, no futuro?”

Com esse autoconhecimento, é preciso escolher entre as grandes possibilidades de concursos públicos na área da saúde: administrativo de órgãos do executivo municipal, estadual e federal; tribunais e câmaras; secretarias e prefeituras; polícias e institutos de perícia; órgãos reguladores e fiscais; hospitais universitários; hospitais públicos-privados e algumas outras exceções bem específicas.

Em todas elas, há cargos para diferentes tipos de áreas da saúde, entre elas Fisioterapia, Farmácia, Nutrição, Psicologia, Odontologia, Enfermagem, Medicina Veterinária e Medicina.

O ideal é que, ao analisar o edital, você saiba exatamente quais funções irá exercer nos diferentes cargos. Mesmo que a vaga seja para a sua área de atuação geral, muitos concursos tem cargos com funções específicas – como Odontolegistas, Nutricionistas Fiscais, Médicos e Enfermeiros do Trabalho, Peritos Psicólogos e outros.

Após descobrir o que mais te interessa, foque nos concursos dessas áreas.

Desta forma, você estudará com mais prazer, mais motivação e, portanto, de forma mais eficiente.  Isso garante também que, futuramente, você muito provavelmente esta´ra satisfeito com o trabalho/emprego/oportunidade que vai abraçar e ser aprovado em um Concurso Público.

2- Analise os editais com cuidado e critérios bem definidos;

A partir do momento que sua carreira foi escolhida, é preciso que você analise muito bem todo edital que encontrar, antes de definir que focará seus estudos para ser aprovada no concurso que ele regulamenta.

Os pontos mais importantes são:

A)Local de trabalho: Você vai precisar se mudar caso seja aprovado? Se sim, você está disposto a isso? Como será o cotidiano longe das pessoas que convive atualmente no local onde reside? Se todas essas respostas estiverem formuladas e bem resolvidas, você pode seguir para o próximo passo.
B)Remuneração: A remuneração atende os seus anseios? Qual o plano de carreira da instituição em que trabalhará caso seja aprovado? O trabalho tem benefícios além da remuneração oficial? Se você acredita que a remuneração condiz com suas espectativas atuais e futuras, deve seguir para o próximo passo de atenção;
C)Pré-requisitos de inscrição: Todos os concursos tem pré-requisitos específicos para receber inscrições. Geralmente, esses critérios são relacionados a regularização como cidadão brasileiro – ter mais de 18 anos, possuir Título Eleitoral e cadastro de CPF sem pendências – porém algúns concursos possuem condições especiais que devem estar no seu radar de observação do edital;
D)Critérios de desempate: assim com os pré-requisitos, muitos editais tem particularidades para desempatar candidatos que acabaram ficando com a mesma nota em provas objetivas e discursivas. Preste atenção neles. Caso precise, podem ser o seu diferencial;
Após a observação desses critérios, é importante que você entenda que, não necessariamente, você só precisa prestar concursos que atendam à TODOS os pontos citados. É importante focar em certames para direcionar seus estudos. Eventualmente, você pode escolher concursos como trampolim*.

*Concurso Trampolim: Aquele concurso que serve de ESCADA para você alcançar maiores objetivos. Pode ser para treinar os seus estudos e concentração na hora das provas, bem como algum que possua uma carga horária reduzida, e permita que você continue a estudar para realizar o seu sonho sendo aprovado em um grande certame posteriormente.



3- Não se assuste com a relação quantidade de vagas x candidatos


Muitas vezes os candidatos desistem quando percebem que a quantidade de vagas é muito pequena, ou mesmo cadastro de reserva. O contrário, também acontece e é muito comum: quando muitas pessoas fazem um concurso acreditando que já foram aprovadas só porque são muitas vagas.

A dica é: não se deixe enganar.  Concursos com poucas ou nenhuma vaga, as vezes, acabam convocando tantos candidatos no período de validade, que ultrapassam o número de vagas de certames que possuem alto número de oportunidades.

Isso acontece porque, muitas vezes, a ausência de vagas reflete o momento atual da instituição, e que ela pode estar fazendo um concurso baseado no que está por vir: muitas aposentadorias, autorização de criação de cargos, liberação de orçamento. Quando o concurso possui vagas determinadas, ele tem prazo determinado em edital para convocação após aprovação – o que não acontece no caso de Cadastro de reserva.

Ao mesmo tempo, concursos grandes e com muitas vagas, acabam por ser mais concorridos e com exames mais difíceis – para filtrar os candidatos preparados daqueles que estão ali pela oportunidade. Observe a quantidade de vagas com atenção, mas não se deixe levar por um ou outro extremo na hora dde definir sua decisão por este ou aquele concurso.

4- Procure profissionais aprovados nos concursos escolhidos;

Concursos, em geral, são bem diferentes um do outro. A partir do momento que realizou sua escolha, é importante que busque profissionais que já foram aprovados para pegar dicas da seleção e saber, a fundo, como é o trabalho na instituição.

Quanto mais informação específica tiver mais pode trabalhar a sua motivação de estudo e, também, ter certeza que este é o caminho que quer trilhar.

5- Após batido o martelo, não olhe para trás;

Consideradas as dicas acina, se você percebeu que ainda não encontrou um concurso que vale a pena focar – especificamente -  siga no seu plano de estudo e aguarde novas oportunidades. Concursos que não se encaixam nos seus objetivos, perfil e possibilidades atrapalham o seu caminho para aqueles que realmente interessam.

Por outro lado, se você avaliou e decidiu que vale a pena, faça um planejamento de estudo de acordo com o seu perfil e momento de vida e comprometa-se seriamente. O tempo voa quando há uma prova marcada e qualquer desperdício será lamentado depois!

E AI? Gostou das dicas?

Confira todos os conteúdos do projeto #EuConcursado clicando aqui!
Ou, se increva neste link > bit.ly/EuConcursado2018



3343 Publicações - 0 Seguidores

  • 3343 Publicações