3547 Publicações -

Concurso para Perito da Polícia Federal pode ter aumento nas melhorias salariais

há 2 anos     -     
Concurso para Perito da Polícia Federal pode ter aumento nas melhorias salariais


Quem pretende ingressar como perito criminal da  Polícia Federal  (PF), cujo pedido de liberação de verbas para realização do seu concurso para aguarda parecer do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), poderá contar com vantagens muito boas, de valorização da carreira. Desde o dia 1 de Agosto, tramita, na Câmara dos Deputados, o projeto de lei 5865/2016, que prevê aumentos progressivos para a categoria.

Saiba como se preparar para o cargo de Perito Criminal!

Atualmente, a remuneração, para o cargo é de R$ 17.288,85, contando com salário de R$ 16.830,85 e auxílio alimentação de R$ 458. Caso a proposta seja aprovada, a partir de janeiro de 2017, os valores passarão a R$ 22.102,37. Em janeiro de 2018 podem chegar a R$ 23.130,48 e em janeiro de 2019, R$ 24.150,74, já considerando o atual valor do auxílio. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais.

O CONCURSO

A promulgação do decreto 8.326, da presidência da república, em 10 de outubro de 2014, o órgão não precisa mais de autorização por parte do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para realizar novos concursos. Porém, ainda precisa de um parecer do órgão sobre as condições financeiras para o preenchimento das vagas. 

Saiba como se preparar para o cargo de Perito Criminal!

Com isto, segundo responsáveis pelo setor de recursos humanos da PF, esta confirmação dos recursos vem sendo discutida com o ministério, e pelo que tudo indica ocorrerá em breve. De acordo com o decreto presidencial, a PF pode iniciar novo concurso sempre que o quadro de pessoal contar com uma defasagem de pelo menos 5% dos servidores, que é o caso do quadro atual.

A expectativa é de que o certame conte com uma oferta de 558 vagas, sendo 67 para peritos. 

No último concurso da Polícia Federal para este cargo, o preenchimento das vagas ocorreu prioritariamente nos postos de fronteira e nos Estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima, permitindo a remoção de servidores que já atuam nestas localidades. Obedecida estas condições, o preenchimento pode ser feito em todos os Estados, de acordo com as necessidades. As provas costumam ser aplicadas em todas as capitais e no Distrito Federal, exceto o exame oral, que ocorre somente em Brasília (DF).

Saiba como se preparar para o cargo de Perito Criminal!
3547 Publicações - 0 Seguidores

  • 3547 Publicações