3449 Publicações -

Concurso TJ DF: previsto para 2018 com oportunidades para médicos e psicólogos

há 9 meses     -     
Concurso TJ DF: previsto para 2018 com oportunidades para médicos e psicólogos


Ótimas notícias para concurseiros(as) de Brasília e para aqueles que desejam ingressar em órgãos judiciários(tribunais)! O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (Concurso TJDFT) informou, no fim desse mês, que foi aberto processo administrativo para analisar a viabilidade de realização de novo concurso público para provimento de cargos vagos de Analista e Técnico Judiciário.
A validade do último concurso TJDFT se encerra no dia 19 de abril de 2018, sem possibilidade de prorrogação. Ou seja, há possibilidades concretas de um novo certame ser publicado até o fim do primeiro semestre de 2018. Até o momento, o TJDFT convocou 754 aprovados no certame de 2015, sendo 570 para a carreira de Técnico Judiciário – Área: Administrativa e 244 para Analista Judiciário – Área: Judiciária.
Caso seja deflagrado, o que é quase certo, é uma excelente oportunidade para candidatos com nível superior em áreas especializadas da saúde que desejam seguir carreira em um tribunal de grande destaque no cenário nacional, pois os inicias são de R$ 7, R$ 12 ou R$ 14 mil em início de carreira, valores atualizados e que valerão a partir do segundo semestre do ano que vem, quando está previsto o ingresso dos novos servidores.
Agora o valor inicial de uma Analista Judiciário, Área Administrativa e demais especialidades passam a ser de R$ 11.007, somado aos auxílios-alimentação e saúde, chegam a R$ 11.921, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$ 700, para candidatos que tenha filho.
Todos os valores mencionados estão de acordo com a Lei 13.317, sancionada em junho deste ano pelo governo, onde são reajustados tanto o salário-base quanto a gratificação de atividade judiciária (GAJ). No topo das carreiras chegará, em 2019, a R$ 11.398 e R$ 18.701.

Benefícios aos servidores aprovados no concurso TJDFT

Os selecionados serão contratados sob o regime jurídico estatutário. Há ainda vários benefícios, convênio médico, que proporciona atendimento médico-hospitalar nas melhores clínicas e hospitais de Brasília, serviço médico e odontológico interno de primeira qualidade, que abrange quase todas as especialidades médicas, apto ao atendimento emergencial e clínico, tanto no fórum de Brasília como nos das cidades satélites. Os fóruns estão espalhados em quase todas as cidades satélites do Distrito Federal e há previsão de criação de outros tantos, o que possibilita ao servidor trabalhar em lugar próximo de sua residência.
Os servidores do TJDFT contam ainda com uma Escola de Administração Judiciária que oferece educação corporativa, visando ao desenvolvimento e aprimoramento de habilidades dos servidores. Há creches, onde o servidor pode deixar seu filho enquanto trabalha, biblioteca invejável, com enorme acervo de livros, que é considerada uma das melhores do Serviço Público. Há também um restaurante com bom atendimento e preço acessível. Há, ainda, a quem interessar, um sindicato e uma associação fortalecidos que ajudam a amparar os nossos direitos de servidor.

Saiba como se preparar para o Concurso TJDF 2018:
PSICOLOGIA | MEDICINA 


Convocações tradicionalmente para além das vagas

Além das boas remunerações e das vantagens de ser servidor do TJDFT, aqueles que desejam ingressar no judiciário brasiliense devem se atentar ao quadro de nomeados do último concurso, que terá sua validade expirada em abril de 2018. É que, conforme consta no site do órgão, o concurso que oferecia apenas 80 vagas imediatas em edital obteve um número muito expressivo de nomeações: 762. Desse quantitativo, 570 foram para o posto de Técnico Judiciário – Área: Administrativa, seguido do cargo de Analista Judiciário – Área: Judiciária, com 244 e do posto de Analista Judiciário -Área Judiciária: Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal, com 14.
No anterior, em 2013, também não foi diferente. O certame oferecia apenas 110 vagas imediatas em edital e obteve um número muito expressivo de nomeações: 1.360. Desse quantitativo, 927 foram para o posto de Técnico Judiciário – Área: Administrativa, seguido do cargo de Analista Judiciário – Área: Judiciária, com 314 e do posto de Analista Judiciário -Área Judiciária: Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal, com 112 convocados.

Concurso anterior do TJDFT

No último concurso foram ofertadas 80 vagas. Para a função de analista judiciário, as vagas oferecidas  que abarcaram áreas de saúde foram: especialidade em psicologia (1); especialidade em medicina no ramo de clínica médica (1); especialidade em medicina no ramo de ginecologia-obstetrícia (1); especialidade em medicina no ramo de neurologia (1); especialidade em medicina no ramo de pediatria (1); especialidade em medicina no ramo de psiquiatria (1) e especialidade em medicina no ramo dentístico (1);
O salário para cargo de técnico judiciário é R$ 5.425,79, já para analista judiciário a remuneração é R$ 8.863,84.

Seleção do último concurso TJDFT

A prova objetiva foi planejada com 50 questões de conhecimentos básicos, e 70 de conhecimentos específicos. O certame também aplicou prova discursiva.



Critérios para aprovação no concurso TJ Distrito Federal e Territórios:
A classificação requisitava nota mínima de 10 pontos na prova de conhecimentos básicos, 21 em conhecimentos específicos, e 36 pontos ao todo. Na prova discursiva a pontuação mínima foi 20 pontos.


3449 Publicações - 0 Seguidores

  • 3449 Publicações