3565 Publicações -

Dermatite por lambedura em pequenos animais

há 1 ano     -     
Dermatite por lambedura em pequenos animais


As lambeduras excessivas do animal na pele podem causar uma doença que vem se tornando cada vez mais comum em cães e gatos, a Dermatite por Lambedura, também muito conhecida como Dermatite Psicogênica.  A enfermidade, que pode causar feridas expressivas e de difícil tratamento, tem sua origem nos aspectos comportamentais do animal.

Se por exemplo ele estiver em uma situação de tédio, sozinho, sendo muitas vezes abandonado pelo dono, e uma vida sedentária, é possível que ele adquira o habito de se lamber, sendo geralmente nas patas e barriga, como um ato instintivo.  O motivo nestes casos pode estar atrelado à depressão, que colabora para este comportamento repetitivo.

O sintoma principal, além da lambedura, são as feridas geradas e geralmente circulares e com falhas, que podem se agravar e se transformar em infecções. 

Tendo como tratamento para estes casos necessariamente a prevenção, tornar o animal ativo, dar atenção, já que não fará diferença tratar a pele e deixar o animal nas mesmas condições que propiciaram a doença.

 Os cães, ao contrário do muitos imaginam, também podem passar por tratamentos psicológicos, tomar ansiolíticos e até antidepressivos, já que a doença tem origem comportamental.

Já a pele deve ser submetida a um tratamento que varia de 2 a 4 meses e ser higienizada com produtos específicos, como xampu terapêutico e antisséptico.

No primeiro sinal, é aconselhável ao dono procurar um médico veterinário, que deverá se inteirar sobre o histórico do animal, realizar uma avaliação precisa e prescrever o receituário correto.


Fonte: Revista Veterinária
3565 Publicações - 0 Seguidores

  • 3565 Publicações