2967 Publicações -

Residência SESAB 2018: Todos os detalhes da especialização

há 1 semana     -     
Residência SESAB 2018: Todos os detalhes da especialização


Os Programas de Residência em Área Profissional da Saúde da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia, são Pós-Graduação lato sensu, voltada para a educação em serviço e destinada às categorias que integram a área de saúde (Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Psicologia, Serviço Social, Terapia Ocupacional, Biomedicina, Ciências Biológicas e Educação Física), excetuada a médica.

Abarcando as modalidades Uni e Multiprofissional, a especialização trata-se de um programa de cooperação intersetorial para favorecer a inserção qualificada dos jovens profissionais da saúde no mercado e, no caso da Sesab, em áreas prioritárias do Sistema Único de Saúde. Para o ingresso em 2018, são 220 vagas abertas para profissionais de todo o Brasil.
 
RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL
 
Os programas tem duração total de 02 (dois) anos, com carga horária de 5.760 (cinco mil, setecentos e sessenta) horas, distribuídas em atividades teóricas (20%) e práticas (80%), sob a forma de treinamento em serviço, equivalente a 60 (sessenta) horas/semana.
Todo residente tem direito a uma folga semanal e a 30 (trinta) dias consecutivos de férias por ano, que podem ser fracionadas em dois períodos de 15 (quinze) dias, a escolha do profissional – em alinhamento com a instituição de ensino e formação hospitalar.

Em todo Brasil, as Residências Multiprofissionais são financiadas pelo Ministério da Saúde e pelo Ministério da Educação, que pagam bolsa-trabalho no valor de R$ 3.330,43 para cada residente. Entretanto, os abonados devem ter dedicação exclusiva, e não podem desenvolver outras atividades profissionais no período de realização do curso.

VEJA AQUI DETALHES SOBRE O PROCESSO SELETIVO DA RESIDÊNCIA SESAB 2018
 
RESIDÊNCIA SESAB
 
Com valor de pós-graduação, a residência é ainda mais benéfica no mercado de trabalho  do que a especialização por si só.

Atualmente, a Bahia, através da sua Secretaria de Saúde, possui 159 programas de Residências em Saúde, sendo eles:
  • 143 programas de Residência Médica;
  • 09 Multiprofissionais;
  • 07 em Áreas Profissionais da Saúde;
Os programas são distribuídos nas unidades da rede própria, outras da rede pública, filantrópica e privada conveniada ao SUS, somando cerca de 900 residentes no total.

A Escola Estadual de Saúde Pública - EESP, articulada com a Comissão Estadual de Residência Médica (CEREM-BA) e a Comissão Estadual de Residência Multiprofisional e em Área Profissional de Saúde (CEREMAPS-BA), é co-gestora dos programas de Residências em Saúde no formato já especificado.

Os Programas são geridos por 10 (oito) Comissões de Residência Multiprofissional (CONREMU), das seguintes instituições:
  • Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública (EBMSP);
  • Universidade Federal da Bahia/UFBA;
  • Hospital Geral Roberto Santos/HGRS/SESAB;
  • Liga Álvaro Bahia Contra Mortalidade (Universidade Salvador/UNIFACS);
  • Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB);
  • Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF);
  • Faculdade Adventista da Bahia/FADBA;
  • Universidade do Estado da Bahia (UNEB);
  • Escola Estadual de Saúde Pública/HGRS/SESAB
Através dessas Comissões, hospitais de todo Estado da Bahia receberão residentes em seus programas de especialização.

Se interessou?

SAIBA TUDO QUE CAIRÁ NAS PROVAS SESAB 2018


2967 Publicações - 0 Seguidores

  • 2967 Publicações