3348 Publicações -

Residências Multiprofissionais

há 1 ano     -     
Residências Multiprofissionais


A Residência Multiprofissional é como uma pós-graduação. Perfeita para a pessoa que se graduou na área da saúde e quer se especializar. A diferença entre a residência e a pós, na verdade, é que a carga horária da primeira é muito maior, além de que ela é 80% prática e 20% teórica. Então, se você pensa em fazer residência, é importante saber que você estará trabalhando e aprendendo em meios hospitalares e de postos de saúde, por exemplo. Além disso, o Residente ainda recebe uma bolsa de estudos que geralmente é pouco mais de 3 mil reais.
 
Esse tipo de especialização é voltado para a educação em serviço e destinada às categorias que integram a área de saúde (Biomedicina, Ciências Biológicas, Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Psicologia, Serviço Social e Terapia Ocupacional), excetuada a médica.
 
As residências foram criadas a partir da promulgação da Lei n° 11.129 de 2005 e são orientadas pelos princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS), a partir das necessidades e realidades locais e regionais. No mais, trata-se de um programa de cooperação intersetorial para favorecer a inserção qualificada dos jovens profissionais da saúde no mercado de trabalho, particularmente em áreas prioritárias do Sistema Único de Saúde.
 
A residência pode ser uma experiência transformadora e como é mais prática do que teoria, é a chance do estudante, agora graduado, colocar em prática tudo que não teve a chance de fazer durante a universidade.
 
Em relação as provas, é bom se preparar muito para as questões de saúde pública, mas você pode ver aqui como se preparar:


Enfermagem | Farmácia | Fisioterapia | Medicina | Medicina Veterinária | Nutrição | Odontologia | Psicologia
 
 
3348 Publicações - 0 Seguidores

  • 3348 Publicações