Prova - Cargos de Odontólogo - CESPE - 2009

Detalhes

Profissão: Odontologo
Cargo: Cargos de Odontólogo
Orgão: Pref. Ipojuca/PE
Banca: CESPE
Ano: 2009
Nivel Superior

Conteúdo de ipojuca_conh_basicos_ns_parte_i.pdf - 1/3

// Proxima página

C De acordo com o comando a que cada um dos itens a seguir se refira, marque, na folha de respostas, para cada item: o campo
designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo designado com o código E, caso julgue o item ERRADO.
A ausência de marcação ou a marcação de ambos os campos não serão apenadas, ou seja, não receberão pontuação negativa. Para
as devidas marcações, use a folha de respostas, único documento válido para a correção das suas respostas.

CONHECIMENTOS BÁSICOS
1 O termo sinergia foi usado originalmente por Ruth 1 A esfera da ciência pode parecer hostil às metáforas.
Benedict para se referir ao grau de cooperação e de harmonia Afinal de contas, a ciência ocupar-se-ia da busca e da
interpessoal em uma sociedade. Sinergia significa ação representação do conhecimento, o que, para muitos, só pode
4 combinada ou cooperação. Também se refere à ação 4 ser literal: um remédio ou um tratamento médico são coisas
cooperativa de elementos, que resulta em um efeito global concretas que podem ser vistas ou ingeridas; uma ponte é
maior do que todos os elementos tomados separadamente. uma construção de verdade, do mundo real; do mesmo modo,
7 Sob condições de baixa sinergia social, o sucesso de 7 muitos outros avanços científicos são coisas concretas que
um membro causa a perda ou o fracasso de outro. Por
afetam diretamente a vida das pessoas. Sendo concretas, não
exemplo, se cada caçador reparte sua presa apenas com a
haveria necessidade de metáforas para pensar, descobrir ou
10 família imediata, é mais provável que a caça se torne
10 comunicar essas coisas. O que talvez não esteja claro para
fortemente competitiva. Sob elevada sinergia social, a
aqueles que possuem tal visão inocente ou leiga da ciência é
cooperação atinge o máximo. Um exemplo seria um grupo
que, antes das descobertas e das invenções, há intenso
13 caçador análogo, com uma única e importante diferença: a
13 trabalho de pesquisa e que esse trabalho tem uma base
divisão comunitária da presa. Nessas condições, cada
metafórica considerável. Sem essa base, não seria possível
caçador beneficia-se com o sucesso dos outros. Sob alta
16 sinergia social, o sistema de crença cultural reforça a teorizar, pesquisar, comunicar, nem produzir ciência.
cooperação e os sentimentos positivos entre os indivíduos e Tony Berber Sardinha. Metáfora. São Paulo:
Parábola, 2007, p. 83 (com adaptações).
ajuda a minimizar os conflitos e as discórdias.
J. Fadiman e R. Frager. Teorias da personalidade.
Com base no uso das estruturas linguísticas desse texto, julgue os
São Paulo: Harbra, 1986, p. 270 (com adaptações).
itens subsequentes.
Com relação às ideias e às estruturas linguísticas desse texto,
\u0018 O tempo verbal empregado em ?ocupar-se-ia? (R.2) indica
julgue os seguintes itens.
que se trata de uma afirmação condicionada pelos
\u0013 Preservam-se a correção gramatical e a coerência das ideias argumentos a respeito da ação de ocupar-se, para
que se desenvolvem a partir da definição de ?sinergia? (R.1) sugerir que, de fato, não se realizam esses objetivos da
ao se acrescentar o seguinte trecho ao final do texto: Já sob ?ciência? (R.1).
baixa sinergia, as ações entre os membros do grupo tendem
\u0019 A substituição do sinal de ponto e vírgula depois de
a acirrar conflitos e discórdias.
?ingeridas? (R.5) e de ?real? (R.6), por vírgulas preservaria as
\u0014 Na linha 4, preserva-se a correção gramatical do texto, bem regras de pontuação e a coerência, a clareza e a objetividade
como a coêrencia entre as ideias com a inserção do artigo
do texto.
uma, antes de ?ação?, mantendo o sinal indicativo de crase
em ?à? para indicar a presença da preposição a, exigida na \u001a Devido ao valor causal que exerce no período sintático, o
complementação de ?se refere?. trecho ?Sendo concretas? (R.8) corresponde a Por serem
concretas, pelo qual poderia ser substituído sem prejudicar
\u0015 A organização entre os argumentos mostra ser obrigatório o
a correção gramatical ou a coerência textual.
uso da vírgula depois de ?elementos? (R.5); sua retirada
provocaria erro gramatical e incoerência textual. \u001b A preposição para, que rege a complementação de ?não

\u0016 A forma verbal ?torne? (R.10) está condicionada à estrutura esteja claro? (R.10), estabelece, no texto, relações semânticas
sintática em que ocorre; por isso, sua substituição por torna correspondentes à preposição a; por isso, esta poderia ser
desrespeitaria as regras gramaticais. usada em lugar daquela, desde que se registrasse a crase,
escrevendo-se àqueles.
\u0017 No desenvolvimento da textualidade, a expressão ?Nessas
condições? (R.14) refere-se, por relações de coesão, às \u0013\u0012 A forma verbal ?seria? (R.14) está flexionada no singular
condições de ?baixa sinergia social? (R.7). para concordar com ?ciência? (R.15).


UnB/CESPE ? IPOJUCA
Conhecimentos Básicos (para todos os cargos de nível superior) ?1?


www.editorasanar.com.br

Conteúdo de ipojuca09_019_19.pdf - 1/3

// Proxima página

www.editorasanar.com.br

Conteúdo de ipojuca_09_gab_definitivo_000_0.pdf - 1/1

// Proxima página

MUNICÍPIO DO IPOJUCA
CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS
DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO


APLICAÇÃO: 12/7/2009

CONHECIMENTOS BÁSICOS ? PARTE I ? (PARA TODOS OS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR)

GABARITOS OFICIAIS DEFINITIVOS DAS PROVAS OBJETIVAS
0

Obs.: ( X ) item anulado.


Item 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
Gabarito C E E C E E E C C E E E C C C C C E E C

Item 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
Gabarito E E C C C C E C E E C C E C E X E E C E

Item 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
Gabarito C E C C E C E C E E 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0




www.editorasanar.com.br

Conteúdo de gabaritos_ipojuca.pdf - 1/27

// Proxima página

MUNICÍPIO DO IPOJUCA
CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS
DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO


APLICAÇÃO: 12/7/2009

PROVA A

GABARITOS OFICIAIS DEFINITIVOS DAS PROVAS OBJETIVAS
0
Obs.: ( X ) item anulado.

Item 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70
Gabarito E C C C E E C C C C E C E C C C C C E E

Item 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90
Gabarito E C E C C E E C E E C E E C E E E E C E

Item 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100
Gabarito E C E E C E C C E C 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0




www.editorasanar.com.br

Provas relacionadas

Cargo Orgão Ano
Dentista PSB Pref. Floresta do Piauí/PI 2017
Dentista Protesista Pref. Piracuruca/PI 2017
Dentista Periodentista Pref. Piracuruca/PI 2017
Dentista do PSF Pref. Carvalhópolis/MG 2017
Dentista Bucomaxilofacial Pref. Piracuruca/PI 2017