Avaliação Nutricional E Recomendação De Nutrientes Do Idoso

As alterações fisiológicas, anatômicas e metabólicas que ocorrem no envelhecimento afetam diretamente o estado nutricional do idoso, assim como a necessidade de alguns nutrientes. Essas mudanças progressivas incluem redução da capacidade funcional, alterações do paladar e de processos metabólicos do organismo e modificação da composição corporal. O idoso apresenta tendência a desenvolver uma desnutrição como consequência dessas mudanças, que pode agravar-se quando associada a doenças crônicas e às debilidades físicas, ambas comuns nessa fase. Dessa forma, a avaliação do estado nutricional é importante para o diagnóstico da desnutrição, principalmente nas fases iniciais ou ainda quando há dúvidas na interpretação dos dados subjetivos, sendo fundamental para a melhora da qualidade de vida do idoso.


Este conteúdo está bloqueado

As alterações fisiológicas, anatômicas e metabólicas que ocorrem no envelhecimento afetam diretamente o estado nutricional do idoso, assim como a necessidade de alguns nutrientes. Essas mudanças progressivas incluem redução da capacidade funcional, alterações do paladar e de processos metabólicos do organismo e modificação da composição corporal. O idoso apresenta tendência a desenvolver uma desnutrição como consequência dessas mudanças, que pode agravar-se quando associada a doenças crônicas e às debilidades físicas, ambas comuns nessa fase. Dessa forma, a avaliação do estado nutricional é importante para o diagnóstico da desnutrição, principalmente nas fases iniciais ou ainda quando há dúvidas na interpretação dos dados subjetivos, sendo fundamental para a melhora da qualidade de vida do idoso.


Esse conteúdo faz parte do capítulo Avaliação Nutricional E Recomendação De Nutrientes Do Idoso do livro Ciclos da Vida para Concursos e Residências

Esse conteúdo faz parte de nosso livro:
Ciclos da Vida para Concursos e Residências